segunda-feira, 2 de abril de 2012

DESAFIO: Imitar a Batata Gratinada com Funghi Secchi do Restaurante Viena!

Batatas Gratinadas com Funghi Secchi
Um dos meus pratos preferidos no Buffet do Viena é a Batata Gratinada com Funghi Secchi! Sempre pego um monte (e eles faturam no peso do prato...rs). É um acompanhamento super saboroso para carnes ou frangos; acho até que vai como prato principal também, se você é vegetariano (ou está com o colesterol alto como eu... snif, snif...). Para quem não conhece o prato, são finas camadas de batata, entremeadas por um saboroso creme de funghi secchi e cobertas por parmesão, gratinadas até ficarem bem douradas na superfície! Resumindo, uma delícia total!!

Se tem um ingrediente que sempre tenho na despensa é o tal Funghi Secchi... Basta colocar para hidratar por uma hora e você poderá preparar molhos para massas ou carnes, risotos, recheio de batatas assadas...

E se, além do funghi, você também tiver umas 3 batatas perdidas no fundo da geladeira, é a desculpa perfeita para fazer este prato saborosíssimo!

Foi o que aconteceu hoje: Batatas perdidas + funghi na despensa = Batatas Gratinadas ao Funghi Secchi para o almoço! E o Alê ainda iria ganhar uns medalhões de filet mignon para acompanhar (acho que eu inverti o prato principal e o acompanhamento! rs)... Eu ia ficar só na batata mesmo... nada de medalhões... maldito colesterol... Vou acabar tomando remédio só para não ter que passar vontade...

Procurei na internet e achei uma receita bem explicada e simples no  blog Figos & Funghis . Eu imaginava que as batatas deveriam ser cozidas ou escaldadas antes de ir ao forno, mas não era necessário, desde que fossem cortadas bem fininhas. O preparo é simples, mas deve ser feito com antecedência de umas duas horas (eu acabei servindo o almoço às 2 horas da tarde, mas valeu a pena!). Outro ingrediente importantíssimo é o alecrim, que dá um sabor especial ao prato... E eu quase esqueci o coitado! Lembrei quando já havia colocado as batatas no forno! Corri na minha hortinha e rapidamente joguei a erva por cima do prato! Ufa!!

Batatas Gratinadas ao Creme de Funghi Secchi 
  • 3 batatas asterix
  • 100 gr de funghi secchi
  • 2 colheres de sopa de azeite
  • 1 cebola média picada
  • 1 lata de creme de leite light
  • 1 ramo de alecrim picado (só as folhas)
  • parmesão para polvilhar
  • azeite para untar
Deixe o funghi secchi de molho em água quente por uma hora. Depois de 30 minutos, escorra, lave bem (para sair umas "terrinhas" que tem no funghi) e coloque de molho novamente em água quente. Após novos 30 minutos, escorra novamente, separe uma xícara do caldo (coe em um peneira bem fina antes), lave novamente os funghis, esprema bem com as mãos e pique em pedaços pequenos. Reserve.


Prepare as batatas: descasque e corte em fatias bem finas, deixando de molho para que não escureçam. Reserve.


Aqueça o forno a 200 graus.

Prepare o molho de funghi: aqueça uma frigideira grande e doure a cebola picada em duas colheres de sopa de azeite extra virgem. Acrescente os funghi e deixe fritar alguns minutos. Junte o caldo reservado e deixe apurar até reduzir um pouco o líquido. Tempere com sal e pimenta e, por último, junte o creme de leite light, mexendo bem até aquecer (não deixe ferver).



Unte uma uma travessa refratária com azeite. Coloque uma camada de fatias de batata e cubra com um pouco do molho e alecrim. Repita o processo deixando a última camada com molho. Salpique o parmesão e leve ao forno para gratinar por 45 minutos ou até ficar bem dourado e as batatas bem cozidas.






Sirva como prato principal, para uma refeição mais leve, ou como acompanhamento de carnes ou aves grelhadas! Você não faz ideia do sucesso que vai fazer!! Bón Appetit!!



Batatas Gratinadas com Funghi Secchi

11 comentários:

  1. Olá Bia, estou adorando seu Blog, Parabéns e Sucesso!
    Eu a Bianca e a Julia também adoramos a boa gastronomia e sempre nos aventuramos na cozinha. A Bianca adora fazer doces e risotos, a Julia ainda esta aprendendo mas gosta de cozinhar coisas fáceis e rápidas e eu gosto de cozinhar inventando, misturando novos ingredientes ou seja gosto de dar um toque pessoal aos pratos e gosto de pensar na mesa final decorada para aquele prato e ocasião.
    Bom tudo isso para dizer que serei uma seguidora assídua do seu Blog.
    Um beijo

    ResponderExcluir
  2. Queridas primas! Que bom ter notícias suas aqui pelo blog!! A vida é tão corrida que moramos na mesma cidade e nos vemos tão pouco! Não deixe de me contar suas experiências gastronômicas! Beijo grande a todos! Bia

    ResponderExcluir
  3. Olá Bia.
    Adorei a receita, deve ficar deliciosa.
    Parece uma versão gourmet da batata gratin da culinária francesa, mas são fatiadas finamente no mandolim, aferventadas e entremeadas em camadas com pinceladas de uma mistura de nata noz moscada e parmesão.
    Gosto muito do seu blog, parabéns!

    ResponderExcluir
  4. Chef Marina, adorei a versão "tradicional" francesa! Vou experimentar! Abraços, Bia

    ResponderExcluir
  5. Eu adoro essa batata do Viena e já fiz em casa umas vezes, mas essa sua receita é especial ! Obrigada por compartilhar :D

    ResponderExcluir
  6. Olá Liginha! Depois me conta se a receita deu certo! Bjs, Bia

    ResponderExcluir
  7. Menina, eu faço o mesmo que você quando vou ao Viena e sempre me perguntei como seria essa receita.
    Agora, graças a você, já sei!
    Adorei a dica das "batas perdidas", pois sempre tenho delas na geladeira...rs

    Grande abraço e obrigada por compartilhar.

    ResponderExcluir
  8. Menina, eu faço o mesmo que você quando vou ao Viena e sempre me perguntei como seria essa receita.
    Agora, graças a você, já sei!
    Adorei a dica das "batas perdidas", pois sempre tenho delas na geladeira...rs

    Grande abraço e obrigada por compartilhar.

    ResponderExcluir
  9. Oi, Bia!
    Adoro a tal batata do Viena, e me acho muito sortuda de viver na época da informação mais à mão, o que me fez achar seu blog e o post, logo depois de ter sido "desafiada" pelo namorido a fazer a receita. :)
    Obrigadíssima por compartilhar!
    abraços,

    Solange

    ResponderExcluir
  10. Solange, espero que o seu "namorido" goste das batatas!!! E valorize cada vez mais a "namorida" dele!! rs

    ResponderExcluir
  11. Olá,
    Tenho funghi que trouxe do Chile e pensava em fazer para molho de macarrão, agora vou fazer com batata também. Acho que vai ficar muito bom. Hummm!! Valeu!!

    ResponderExcluir