domingo, 27 de outubro de 2013

DESAFIO: Preparar uma receita diferente com bacalhau

Empanada de Bacalhau à moda da Galícia
Há alguns dias recebi uma sacola cheia de caixas com bacalhau congelado... Eram postas, lombo, bolinhos já prontos para fritar! Um lindo presente da Bacalhau Dias, uma empresa portuguesa que me enviou seu produto para que fosse testado em receitas para o blog!

Como vocês sabem, meu marido é alérgico a peixe e eu não costumo utilizar este ingrediente nas minhas receitas... Recentemente até fiz um Ceviche de Atum para o meu filho mas, como o peixe era só marinado, não deixou cheiro na casa... Além disso, fiz uma versão vegetariana do Ceviche para o Alê, que ficou incrível!

E agora, com um monte de bacalhau no meu freezer, tive que ser criativa! Em um dia que o Alê tinha aula à noite, chamei meus pais para jantar (minha mãe é de origem portuguesa e AMA bacalhau!) e decidi preparar uma receita que vi no Programa Que Marravilha, do Claude Troigros. Neste programa, uma família de origem espanhola desafiou o Claude a preparar uma Empanada de Bacalhau à moda da Galícia! E eu decidi fazer a versão original: uma torta enorme, com massa de pão e muito recheio de bacalhau! A versão do Claude era mais refinada (clique aqui para ver), mas eu achei a versão original da família mais apetitosa! Além disso, a versão do Claude "vazou"!! rs...

A versão tradicional (família Herranz) e a versão do "Que Marravilha" - Claude Troigros
Aqui no blog eu já havia postado duas receitas de bacalhau, especialidades da minha mãe: Bacalhau a Espanhola e Bacalhau com Couve Tronchuda. Era a primeira vez que alguém da família faria um bacalhau em forma de empanada ou torta! Eu estava ansiosa pela reação e opinião dos meus pais!

Escolhi um lombo de bacalhau, com cerca de um quilo, já dessalgado. Esta parte foi muito interessante porque, um dos motivos de não me animar muito a preparar bacalhau em casa, era todo o processo de deixar o bacalhau de molho por dias... Isso seria insuportável para o maridão, pois a casa ficaria cheirando a bacalhau por dias...

A matéria prima da receita: Lombo de Bacalhau
Depois de descongelar o bacalhau, cortei-o em pedaços e aferventei em água com leite. Assim que os pedaços ficaram macios, desfiei a carne e desprezei as espinhas e a pele. O expert da família neste processo de limpeza é meu pai, que se orgulha de não deixar passar nenhum espinha... Infelizmente, deixei escapar umas duas espinhas neste processo que, obviamente, foram parar bem no pedaço de torta do meu pai... Lei de Murphy!!

O recheio da torta é simples e muito saboroso: azeite (muito!!), cebola picada (muita!!), pimentão vermelho, bacalhau e o segredinho da receita: pimentón picante, um tempero típico espanhol, semelhante a uma paprica picante. Neste ponto, fiz uma adaptação,  porque meu pai não pode comer nada muito apimentado... Aí, além de comprar o Pimentón Picante, comprei também o Pimentón Dulce e coloquei "meio a meio". Ficou delicioso!! Mais uma vez, a Dona Helena, do Mercadão de Santo Amaro me salvou: foi lá que encontrei estas lindas latinhas:

O segredinho da receita: Pimentón Picante e Dulce
A massa da empanada é semelhante a uma massa de pão, feita com farinha, ovo, água, sal e azeite. Mas com um detalhe: utiliza-se parte do azeite refogado no recheio para fazer a massa! Por isso vai tanto azeite no recheio (quase 500 ml!). Mas graças a esta forma de preparo, a massa fica saborosíssima!

Resultado: a torta ficou espetacular! A massa, crocante por fora e macia por dentro, o recheio, bem úmido e com sabor delicado... E eu até fiz uma homenagem ao blog, escrevendo "Desafios" na massa e colocando umas cerejinhas para decorar! O único probleminha foi não ter tirado bem todo ar da torta quando foi fechada... Aí ela ficou com uma "bolha" gigante, parecendo um "galo na testa"! kkkkk

O Bacalhau Dias (versão Lombo) passou no teste. Foi muito fácil de preparar: bastou descongelar e aferventar, pois já estava dessalgado! E ficou macio e saboroso. Minha mãe ficou bastante impressionada com a praticidade e com o resultado final. A receita da família Herranz também foi aprovadíssima. Tanto que meus pais até sugeriram que eu preparasse a Empanada para o Natal, a refeição mais importante do ano! Que honra!

Agora, o desafio final foi tirar o cheiro de peixe que ficou pela casa naquele dia, antes do meu marido chegar... Aí, minha funcionária Nenê me salvou e me deu uma dica preciosa: ferver pedaços de canela e de casca de laranja, deixando o vapor se espalhar pela cozinha! Foi perfeito! Quando o Alê chegou, nem sinal do bacalhau... Só o aroma de canela e limão pela casa! Desafio triplo cumprido!! rs

Empanada de Bacalhau à Moda da Galícia

(8 pessoas)
Recheio

  • 1 quilo de lombo de bacalhau dessalgado
  • 500 ml de azeite extra virgem
  • 700 gr de cebola picada (cerca de 5 cebolas grandes)
  • 1 pimentão vermelho picado
  • 1 colher de chá bem cheia de pimentón dulce
  • 1 colher de chá bem cheia de pimentón picante
  • sal a gosto

Massa

  • 7,5 gr de fermento seco biológico
  • 200 ml água morna
  • 750 gr de farinha de trigo
  • 200 ml de azeite (retirado do recheio pronto)
  • 2 ovos (1 para massa e outro para pincelar).
  • 1 colher de chá de sal

Prepare o recheio: Corte o bacalhau em pedaços grandes. Afervente o bacalhau em água com um pouco de leite por uns 2 minutos. Escorra a água, deixe os pedaços esfriarem um pouco e, com as mãos, vá desfiando cada pedaço, retirando bem toda a pele e os espinhos. Reserve.


Em uma panela grande aqueça o azeite. Coloque a cebola picada e deixe refogar até a cebola começar a ficar transparente. Junte o pimentão vermelho e refogue mais um pouco. Por último, coloque o bacalhau, os temperos de pimentón dulce e picante. Coloque o sal (se necessário). Com a ajuda de uma peneira grande, coe o azeite e reserve para utilizar na elaboração da massa. Deixe o restante do recheio esfriar.


Prepare a massa: Dissolva o fermento na água morna e deixe descansar uns 10 minutos. Coloque a farinha de trigo e o sal em uma tigela grande. Faça um buraco no meio, junte o fermento dissolvido, um ovo e o azeite. Com as mãos (ou com uma batedeira com pá para massas), vá juntando os líquidos com a farinha até formar uma massa homogênea. Sove por dez minutos, para ficar bem elástica. Coloque em uma travessa, cubra com um filme plástico e deixe descansar por uma hora, ou até dobrar de volume.


Aqueça o forno a 180 graus. Divida a massa em duas partes. Abra uma das partes como se fosse uma pizza e forre uma forma redonda grande (30 cm), com fundo removível. Deixe sobrar nas laterais, para fora da forma. Abra a outra parte da mesma forma. Coloque o recheio na forma e cubra com a outra parte da massa. Pressione bem para tirar todo o ar de dentro. Corte a massa excedente das bordas e dobre-a para dentro, pressionando com os dedos para formar uma renda. Com a massa que sobrou, escreva o que quiser na massa (eu escrevi: Desafios!). Pincele com um ovo batido e leve para assar por uns 45 minutos, ou até a massa estar bem dourada e dura. Deixe esfriar uns 10 minutos e sirva! E Bon Appetit!



Empanada de Bacalhau à Moda da Galícia by Desafios Gastronômicos
E aguardem mais experiências com os produtos da Bacalhau Dias... Meu freezer ainda está cheio deles!! rs




4 comentários:

  1. Que delicia de receita e parabéns pela explicação tão bem feita, beijos
    Tania

    ResponderExcluir
  2. Que delicia de receita e parabéns pela explicação tão bem feita, beijos
    Tania

    ResponderExcluir
  3. Tânia, que bom que gostou! Bjs, Bia

    ResponderExcluir
  4. Delicious! Vou fazer!

    ResponderExcluir